Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Memórias ao Vento

por O Gil, em 07.04.17

DSCN2361.JPG

O vislumbrar da terra que nos viu nascer.

Uma memória efémera

Que esvoaça ao vento

Como a poeira que paira nas distantes paisagens.

 

Como a poeira no vazio perdida,

A memória viaja em conjunto com a brisa,

Cambaleando pelas pradarias ao ritmo do esquecimento,

E dispersa-se no céu com o soprar do tempo.

 

Pelo tempo que passa sempre mais depressa,

A erosão da memória deixa apenas o resíduo,

Uma marca gravada em tom suave,

Quase impossível de escutar,

Que nos sussura apenas ao ouvido

Que o nosso tempo está a acabar.

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:54


2 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 13.05.2017 às 21:50

De cada vez que visito este blog fico cada vez mais surpreendida, parabéns!
Imagem de perfil

De O Gil a 14.05.2017 às 00:54

Obrigado, cara estranha.

Comentar post



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D


Pesquisar

  Pesquisar no Blog